Aneel aprova reajuste de tarifa de energia para o interior de São Paulo e do Rio

Clipping

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou hoje (13) o reajuste das tarifas de energia da Enel Rio e de cinco distribuidoras de eletricidade controladas pelo grupo CPFL Energia que atuam no interior de São Paulo.

Em São Paulo, o reajuste começará a ser cobrados a partir do dia 22 de março. As concessionárias da CPFL atendem cerca de 444 mil unidades consumidoras. O maior aumento será na CPFL Jaguari, cujo reajuste médio ficou em 21,15%. Em seguida vem a CPFL Sul Paulista, onde o reajuste médio será de 7,5%.

Já a CPFL Leste Paulista terá um reajuste de 7,03%. A alta da CPFL Santa Cruz será de 5,3% e, finalizando, na CPFL Mococa o aumento será de 3,4%.

A Aneel disse que ao calcular o reajuste, conforme estabelecido no contrato de concessão, “considera a variação de custos associados à prestação do serviço. O cálculo leva em conta a aquisição e a transmissão de energia elétrica, bem como os encargos setoriais”, disse a Aneel.

Rio de Janeiro

Já a Enel Rio atende 2,6 milhões de unidades consumidoras em 66 municípios do estado do Rio de Janeiro e o reajuste entra em vigor no próxima quinta-feira (15). O aumento médio para os consumidores residenciais será de 21,44% e para os consumidores cativos de alta e baixa tensão o aumento médio será de 21,04%.

Mais cedo a Aneel havia aprovado o aumento nas tarifas de energia da Light, outra concessionária que também atende no estado. Com a decisão, as tarifas dos consumidores residenciais atendidos pela empresa terão aumento de 9,35%.

Já os consumidores cativos de baixa e média tensão terão reajuste médio de 10,36%. A empresa atende 3,9 milhões de unidades consumidoras localizadas na capital e em 31 municípios do Rio de Janeiro.

http://agenciabrasil.ebc.com.br/economia/noticia/2018-03/aneel-aprova-reajuste-de-tarifas-de-energia-para-o-interior-de-sao-paulo-e-do-rio

Clipping
Dólar abre em alta de 0,96% cotado a R$ 3,7758

O dólar abriu nesta terça-feira (19) em alta de 0,96%, cotado a R$ 3,7758, às 10h, influenciado por novas notícias da disputa comercial entre os Estados Unidos e a China. O Banco Central segue com a estratégia de swaps cambiais (venda futura da moeda norte-americana), com a previsão de injetar US$ 10 bilhões no mercado cambial esta semana. Ontem …

Clipping
Lei Seca soma dados positivos após 10 anos, mas levanta questões

“Se beber, não dirija”. A frase, usada frequentemente em campanhas publicitárias na televisão e no rádio, faz parte do cotidiano do brasileiro há mais 10 anos. Em alguns estados, como Rio de Janeiro, São Paulo e Rio Grande do Sul, ela obrigatoriamente deve ser impressa em cardápios de bares e …

Clipping
Intenção de Consumo das Famílias cai 0,5% de maio para junho, diz CNC

A Intenção de Consumo das Famílias (ICF) recuou 0,5% de maio para junho deste ano, segundo dados divulgados hoje (19) pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Com a queda, o indicador alcançou 86,7 pontos em uma escala de zero a 200 pontos. Há 38 meses, …