Câmara do Recife aprova fechamento de empresa flagrada com trabalho escravo ou infantil

Clipping

Se depender da Câmara dos Vereadores do Recife, qualquer empresa flagrada com trabalho escravo ou infantil na capital terá suspensa a licença ou alvará de funcionamento e corre o risco de ser fechada. A proposta de número 159/2018, de autoria do vereador Rinaldo Júnior (PRB), líder da oposição, passou em primeira e segunda votação pela Casa, sendo aprovada em unanimidade pelos vereadores ontem. Vai à redação final e só depende, agora, de sanção do prefeito Geraldo Julio (PSB). “Se ele não sancionar, conto com vocês para derrubar qualquer veto porque o projeto é da Câmara”, disse o vereador, um dia depois de o Executivo correr o risco de ver três vetos derrubados por vereadores em projetos que a prefeitura considera relevantes.

Rinaldo Júnior fez o pronunciamento depois do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) anunciar a extinção do Ministério do Trabalho. Para o parlamentar, a lei será uma segurança para o trabalhador nos próximos anos e fortalece o Estatuto da Criança e o do Adolescente. Ele frisou não ter números específicos de empresas da capital pegas de surpresa em irregularidades, mas disse que a proposta protegerá as crianças e os próprios trabalhadores na futura gestão Bolsonaro. Rinaldo destacou que, no mundo, existem 21 milhões de pessoas em condições de trabalho análogas à escravidão, enquanto, no Brasil, 2,6 milhões crianças são submetidas ao trabalho forçado por ano.

O líder do governo, Eriberto Rafael (PTC), achou exagerado o tom usado por Rinaldo na tribuna. Segundo ele, a prefeitura tem negociado com frequência com o Legislativo e o próprio líder do bloco adversário já teve projeto de lei anteriormente sancionado pelo gestor socialista. Para Eriberto, no entanto, não deve haver problemas da parte do prefeito em sancionar a matéria.

Indagado se estava preocupado com a ameaça de crescimento da bancada oposicionista, que pode aumentar de seis para 10 ou 11 a partir de 2019, Eriberto não passou recebido. De acordo com o governista, haverá mudança de posições na Casa e ele espera que o PT venha para a base do prefeito, em virtude do cenário nacional. Normalmente, o cenário nacional não influencia nas alianças das câmaras, mas a vitória de Bolsonaro é uma incógnita, porque o futuro presidente também deve quer candidato a prefeito em 2020 no Recife e dificilmente será o nome escolhido por Geraldo Julio.

Clipping
Avião da FAB com ajuda humanitária à Venezuela já está em Boa Vista

O avião da Força Aérea Brasileira transportando ajuda humanitária à Venezuela, que decolou na manhã de hoje (22) da Base Aérea de Brasília, pousou há pouco em Boa Vista, capital do estado de Roraima. A aeronave transporta 23 toneladas de leite em pó e 500 kits de primeiros socorros. O …

Clipping
Desemprego cai em 18 estados e no Distrito Federal, diz IBGE

O desemprego, medido pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), caiu em 18 das 27 unidades da federação de 2017 para 2018, segundo dados divulgados hoje (22), no Rio de Janeiro, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A maior queda foi observada no Amazonas: recuo de 15,7% …

Clipping
Colecionador brasiliense doa 2 mil insetos ao Museu Nacional do Rio

A sala de jantar do médico Luiz Cláudio Stawiarski está tomada por insetos. Sobre a mesa, quadros entomológicos exibem as mais variadas formas de aranhas, besouros e libélulas. Um móvel de madeira posicionado ao lado da mesa reúne gavetas de borboletas e mariposas. Ao todo, são 2 mil insetos que, …