Casa da Moeda demite 212 funcionários para reduzir custos

Clipping

A Casa da Moeda do Brasil (CMB) demitiu, por telegrama, 212 funcionários de diversas áreas que atuam na sede da empresa no Rio de Janeiro. A instituição é responsável pela impressão de cédulas de real e pela fabricação de moedas e de outros produtos como passaportes com chips e selos fiscais.

A empresa informou, por meio de nota, que a medida foi adotada “após diversas ações para a redução interna de custos operacionais, a redução expressiva das funções de confiança e o oferecimento de Plano de Desligamento Voluntário”. “A CMB é uma empresa pública não dependente de recursos do Tesouro. A redução do quadro de empregados foi avaliada pela Diretoria Executiva e pelo Conselho de Administração como necessária para assegurar a sustentabilidade e a continuidade empresarial”, acrescenta o texto.

Em nota, o Sindicato Nacional dos Moedeiros (SNM) diz que as demissões fazem parte de um conjunto de decisões do governo e da gestão da Casa da Moeda do Brasil para privilegiar grupos privados. “O SNM não medirá esforços para reverter esse processo de demissão em massa, que é apenas uma das ações para levar ao processo de desmonte da Casa da Moeda do Brasil, assim como foi a produção de cédulas de R$ 2 e como está sendo a licitação para a fabricação de moedas.”

De acordo com o sindicato, a medida, adotada na última sexta-feira (9), atingiu apenas servidores aposentados ou com tempo de serviço para dar entrada na aposentadoria pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e que entrará na Justiça para tentar reverter esse plano de demissão.

O vice-presidente do sindicato, Roni Oliveira, disse que as demissões não ocorreram dentro do Plano de Demissão Voluntária. O PDV da Casa da Moeda ficou aberto entre julho e novembro do ano passado e teve adesão de 333 servidores. Com as demissões da semana passada, a empresa conta atualmente com 2.150 funcionários.

Oliveira disse que, ainda esta semana, o sindicato vai entrar na Justiça Federal com um pedido de liminar para reverter esse quadro de demissões.

Segundo o sindicalista, para serem demitidos, os fundionários da Casa da Moeda teriam de passar por um processo administrativo. “O trabalhador não pode ser submetido a demissão imotivada”, disse.

História

A Casa da Moeda do Brasil foi fundada em 8 de março de 1694 pelo rei de Portugal D. Pedro II, com o objetivo de atender à demanda de fabricação de moedas no país.

Há 324 anos, a empresa pública é responsável pela produção do meio circulante brasileiro. O complexo industrial, localizado em Santa Cruz, na zona oeste do Rio é um dos maiores do gênero no mundo. No local, funcionam as três fábricas da empresa – de cédulas, de moedas e gráfica.

Clipping
Parabéns Petrolina! 123 Anos.

São 123 anos de muita história e conquistas. Petrolina é terra de trabalho, oportunidades, lutas e muitas vitórias. Lugar de gente batalhadora e de homens e mulheres que lutam em busca de seus sonhos e objetivos. Parabéns, Princesa do Sertão!

Clipping
Gonzaga Patriota 4000 Pernambuco Mais Forte!

WhatsApp Audio 2018-09-21 at 09.36.14 Você sabia que Gonzaga Patriota é forte defensor de várias categorias? Como por exemplo, agentes comunitários de saúde, pessoas com deficiência, agentes de trânsito, *toyoteiros de Pernambuco e mototaxistas. Gonzaga Patriota *4000 Pernambuco Mais Forte!

Clipping
Gonzaga e Alvinho Patriota realizam passeio ciclístico em salgueiro neste sábado

Como agenda de campanha, os candidatos a deputado federal Gonzaga Patriota (PSB) e a estadual Alvinho Patriota (PSC), realizam neste sábado, dia 22, um passeio ciclístico pelas principais ruas de Salgueiro, com concentração a partir das 8 da manhã, na Academia das Cidades, antiga Praça do Carlos Pena Filho. Para …

Error: Access Token is not valid or has expired. Feed will not update.
This error message is only visible to WordPress admins

There's an issue with the Instagram Access Token that you are using. Please obtain a new Access Token on the plugin's Settings page.
If you continue to have an issue with your Access Token then please see this FAQ for more information.