Mulher de 64 anos dá à luz uma menina em maternidade de Belo Horizonte

Clipping

Após 30 anos tentando engravidar, Norma Maria de Oliveira, hoje com 64 anos, deu à luz uma criança nesta terça-feira (10) na Maternidade Octaviano Neves, no bairro Santa Efigênia, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte. A menina nasceu prematura de oito meses, com 1,7 quilo e está internada na incubadora. Mãe e filha passam bem, segundo a maternidade.

“Eu trabalho com gravidez de mulheres com idades consideradas de risco, 42 anos, 46 anos. É a primeira vez que trabalhei com alguém com mais de 50”, disse a ginecologista e obstetra Rita de Cássia Amaral.

Norma passou por uma fertilização in vitro. O óvulo é de uma doadora. Já o espermatozoide é do companheiro de Norma que tem 45 anos.

“Ela me procurou no ano passado com este desejo de ser mãe. Foi considerada uma gravidez de alto risco. Na última consulta ela estava com a pressão alta e decidimos fazer a cesárea”, contou a médica.

Ainda não há data para que mãe e filha recebam alta. O G1 tentou falar com Norma, mas ela não respondeu.

https://g1.globo.com/mg/minas-gerais/noticia/mulher-de-64-anos-da-a-luz-a-uma-menina-em-maternidade-de-belo-horizonte.ghtml?utm_source=whatsapp&utm_medium=share-bar-smart&utm_campaign=share-bar

Clipping
Julgamento de Maluf é suspenso com 4 votos a 3 contra recurso do parlamentar

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, suspendeu a sessão de julgamento do recurso do deputado Paulo Maluf (PP-SP), que será retomado na sessão desta quinta-feira. Até o momento, quatro ministros votaram contra o cabimento de embargos infringentes (um tipo de recurso) da defesa de Maluf para …

Clipping
Firma associada a presidente acusada de operar caixa 2

Peça central no inquérito que apura se o presidente Michel Temer recebeu propina para beneficiar empresas que atuam no porto de Santos, a Rodrimar já foi investigada sob suspeita de ter comprado notas fiscais frias para gerar caixa dois. O principal alvo da investigação era Antonio Celso Grecco, que presidiu a …

Clipping
MPF diz não ser viável regras diferenciadas para visitas a Lula

O Ministério Público Federal entendeu não ser “viável a fixação ou a elasticidade de horário diferenciado para visitas” ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso e condenado pela Operação Lava Jato, diante dos sucessivos pedidos à Justiça Federal. Políticos, parlamentares e apoiadores têm requerido o direito de visitar e …