Setembro Amarelo: cinco aplicativos que podem auxiliar no controle da ansiedade

Clipping

Todo mundo reage de forma ansiosa diante de situações importantes ou banais da vida. É normal ficar ansioso antes de fazer uma prova e, depois, esperar o resultado dela, passar por uma entrevista de emprego, aguardar uma pessoa querida que está chegando de viagem ou entre tantos eventos que nos dão aquele “frio na barriga”. O problema da ansiedade é quando ela ocorre de forma desproporcional, paralisando quem a sente e desencadeando sintomas como fadiga excessiva, dificuldade para se concentrar ou dormir e outros.

De acordo com dados divulgados em 2017 pela Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil é o número um do mundo na taxa de pessoas com ansiedade, tendo 9,3% dos brasileiros desenvolvido algum tipo de distúrbio de ansiedade. Também ocupamos o quinto lugar em casos de depressão – a doença afeta 5,8% da população brasileira. “É muito comum que as duas andem juntas. Normalmente, a ansiedade cria um ciclo e a depressão pode estar dentro dele. As pessoas se sentem muito ansiosas, aí acabam tendo algum tipo de crise e isso acaba gerando uma tristeza profunda que pode desencadear
em depressão”, explica a psicóloga Juliana Costa.

São diversos os tratamentos para o controle da ansiedade e o autoconhecimento é essencial para descobrir a raiz dos problemas. Além de acompanhamento profissional, é indicado a prática de exercícios físicos, como uma caminhada rápida, estudar algum assunto que desperta o interesse, ter um momento a sós ou na companhia de quem faz bem. A tecnologia, presente em boa parte de nossas vidas, também pode auxiliar. Há diversos aplicativos com a proposta de oferecer exercícios que ajudam no controle da ansiedade.

Aplicativos são apenas paliativo

A psicóloga clínica Analidia Almeida de Souza (CRP 03/13342) adverte que o uso de aplicativos para quem deseja controlar a ansiedade requer certos cuidados. “Se você nunca fez terapia, não sabe do que se trata a ansiedade e faz uso de um aplicativo que não explica para que o que ele serve e qual o limite, é possível que possa não ajudar”, comenta a profissional que atualmente cursa uma especialização em Neuropsicologia.
Nesse sentido, observe antes se o aplicativo se adequa à sua realidade. A psicóloga Analidia ressalta ainda que é necessário entender que o uso dessa ferramenta não substitui o trabalho de um profissional. É por meio dele que será possível identificar a raiz dos problemas, podendo tratá-los de modo mais profundo. “É importante que o app deixe claro que ele é apenas um suporte que pode auxiliar o usuário em momentos pontuais”, avalia a profissional.

Confira a lista com dicas de cinco aplicativos para lhe ajudar a controlar a ansiedade:

Querida Ansiedade

Desenvolvido pela psicóloga Camila Wolf de Oliveira, o app está disponível para Android e iOS e tem como objetivo acalmar usuários durante crises de ansiedade, além de auxiliá-los em seu processo de autoconhecimento. O Querida Ansiedade oferece exercícios de respiração e meditação. Nele também é possível escrever os sentimentos do momento e assistir vídeos com perguntas e respostas sobre ansiedade. Ao baixá-lo, os usuários encontram uma seção que explica todo o funcionamento da ferramenta.

Be Okay

Disponibilizado apenas para smatphones com sistema iOS, o Be Okay foi criado pelas estudantes Gabriella Lopes, Helena Leitão e Ana Luiza Ferrer, do Centro Técnico Científico da PUC-Rio (CTC/PUC- Rio). O Be Okay oferece recursos como exercícios de respiração e meditação e o acesso rápido de fotos cadastradas pelo usuários para acalmar no momento de crise. Há ainda a possibilidade de ligar para alguém especial ou qualquer número de emergência. Para auxiliar na identificação de padrões ou possíveis gatilhos que gerem ansiedade, o aplicativo oferece uma função que permite o acompanhamento dos momentos de crise.

Lojong: Meditação e Mindfulness

O Lojong se descreve como uma espécie de “academia para a mente”. Nele é possível encontrar meditações guiadas, além de uma série de vídeos com conceitos sobre o treino da mente. O aplicativo oferece ainda artigos sobre bem-estar para que você aprenda e conheça mais sobre o tema. O Lojong funciona ainda em modo off-line, podendo o usuário programar meditações, além de disponibilizar gráficos e estáticas para que o usuário acompanhe o seu crescimento pessoal. O aplicativo está disponível para sistemas Android e iOS.

Diário Controle de Humor

Como o próprio nome já diz, o Diário Controle de Humor cumpre a função de acompanhar os altos e baixos do seu humor. Se preferir, você não precisa escrever, apenas indicar com ícones o seu sentimento do momento. Além disso, é possível indicar quais foram as atividades que te fizeram bem. É possível bloquear o aplicativo com uma senha para maior privacidade. Disponível no Google Play e Apple Store.

Cíngulo: Autoconhecimento

O Cíngulo se propõe a ser uma ferramenta para auxiliar no processo de autoconhecimento dos usuários. De início é possível fazer um teste de personalidade. Ainda sessões para autoconhecimento com indicação de exercícios. O Cíngulo também funciona como um diário emocional. Nele é possível traçar um histórico do seu humor, podendo ser identificados gatilhos que deixaram a sua ansiedade disfuncional. O Cíngulo está disponível para download em celulares com sistema Android e iOS.

Clipping
Transposição do Rio São Francisco entra na pauta do Governo Bolsonaro

A transposição do rio São Francisco está entre os projetos prioritários das reuniões da área de infraestrutura da equipe de transição, reunida no Centro Cultural do Banco do Brasil (CCBB). O general da reserva Oswaldo Ferreira, que coordena o grupo, recebe nesta quarta-feira (14) o ministro da Integração Nacional, Antônio de Pádua de …

Clipping
Teto do INSS pode ir para R$ 5.883 em 2019

O Ministério do Planejamento atualizou em apresentação à Comissão Mista do Orçamento, a previsão para a inflação deste ano e, com isso, elevou a expectativa de salário mínimo para R$ 1.006, em 2019. Em julho, o governo estimava passar o piso dos salários e dos benefícios pagos pelo INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) de R$ …

Clipping
CFM afirma que há médicos suficientes para atender Brasil

O Conselho Federal de Medicina (CFM) se manifestou hoje sobre o anúncio do governo de Cuba de retirada de seus profissionais do Programa Mais Médicos. Em nota divulgada à imprensa, o CFM afirma que o Brasil conta com médicos formados em número suficiente para atender às demandas da população. “Para estimular a …

Error: Access Token is not valid or has expired. Feed will not update.
This error message is only visible to WordPress admins

There's an issue with the Instagram Access Token that you are using. Please obtain a new Access Token on the plugin's Settings page.
If you continue to have an issue with your Access Token then please see this FAQ for more information.